sábado, 19 de fevereiro de 2011

MOTIM

 Palavras...
 Emoções... Risos...
 Lágrimas...
 E a vida corre
 Serena , segura, certinha...

Rasgam-se as ideias...
Soltam-se as palavras
Baralham-se as emoções.
E a vida corre
Turbulenta, instável, confusa...

Peguei na espada da coragem
Na corrente da minha liberdade...
E na caravela da vida,
Juntei os meus sonhos
E fiz um motim!

Não quero a serenidade do fácil,
Não quero a certeza de um amanhã
Não quero emoções previstas
Não quero percuros direitos!

Fiz um motim....
E na caravela da vida
As tempestades são saboreadas
Como se fosse o último momento do resto da minha vida!

Fiz um motim...
E sou mais feliz assim...

EME
(Escrito a 11 de Dezembro de 2010)


Sem comentários:

Enviar um comentário