segunda-feira, 7 de fevereiro de 2011

O BEIJO DE KLIMT

DISSERTAÇÃO SOBRE O AMOR E A PAIXÃO

Sou fascinada por este quadro!
Não entendo o porquê, apenas sei o que sinto quando o contemplo.
Sou aquela mulher, em abandono total, recebendo a caricía daquele beijo!
Neste beijo está tudo : a mais profunda ternura , misturada com o mais intenso erotismo!
Esteticamente perfeito, "O BEIJO" de Klimt,  transporta-nos para a dimensão diurna e nocturna do Amor.
A simbologia diurna do Amor, remetemos para àguas calmas de um rio, onde tudo flui suavemente!
Na dimensão nocturna do Amor, redefinimos a palavra e chamamos-lhe Paixão!
Aqui a paz, a serenidade dá lugar ao caos das emoções.Consumino-nos, consumindo o outro!
Não há espaço para o outro!
Para o Amor temos duas variavéis na mesma equação : o EU e o OUTRO!
Num movimento dialético, o dar e o receber conjugam-se na primeira pessoal do plural : NÓS!
Para a Paixão existe apenas o sentimento que se alimenta a si próprio.Sobrevive e vive, mesmo sem a presença do objecto amado.É avassalador, deixamos sem vontade própria e vivemos na escuridão!
Repenso!Se é assim tão mau, tão destruídor, porque corremos atrás dela?
Poucos são os que dizem :"Quero enamorar-me"!Dizemos antes:"Quero apaixonar-me"!
Queremos sentir formigueiro na barriga, queremos transpirar só de pensar na possibilidade, queremos ter insónias a imaginar o fogo dessa paixão, enfim...queremos viver na NOITE, protetora de todos os segredos.
Em oposição o Amor, o enamoramento, é DIA...tudo está lá à vista, com segurança, com calma, suavemente sentimos e saboramos a ternura de um gesto, de um afago, de um beijo!

Então, encontro a explicação do meu fascinio pelo "O BEIJO" de Klimt!
Num só beijo, o Amor funde-se com a Paixão!
Num só beijo, vejo a possibilidade de amar apaixonadamente com PAIXÃO ou, com paixão enamoradamente AMAR! E isso é dádiva apenas para os Deuses!

EME





2 comentários:

  1. Me encanto leer tu articulo sobre DISERTACIÓN SOBRE EL AMOR Y PASIÓN....
    realmente bonito.

    ResponderEliminar