quarta-feira, 30 de março de 2011

LABIRINTO EM MIM


"The Eternity of Morning"
Não encontro o caminho…
                                        Estou perdida neste labirinto
Tapado de heras
                         De verdejantes sebes
Curvo aqui…
                    Retorno ali…
Em todos os cantos
                             Vejo saídas
São ilusões de óptica
                              Miragens desérticas
Continuo…
                 Em labirinto de Sentires
Presa em finos fios de seda
                                       Tecidos por ti
Espaço sideral
                     Tempo cósmico
(In) sustentável leveza
                               Do Ser
Meu
      E
        Teu…
Estou perdida…
                      Vou ficar
Assim…
             Envolvida pelo teu olhar
                                               Que ilumina o meu corpo
Possuída pelo pulsar do teu desejo
                                               Que brota em mim
                                                                       Em seiva de um madrugar
Labirinto…
                Estou perdida…
                                        De mim
Estou em ti!


EME

2 comentários:

  1. Lindo! Muito interessante este perder-se para se achar. Gostei a valer! Um abraço, amiga

    ResponderEliminar
  2. Que lindo Elsa!
    Gostei muito do que li e da forma como as palavras foram distribuídas.
    Parabéns!
    beijos

    ResponderEliminar