segunda-feira, 30 de maio de 2011

TU E EU A ESSÊNCIA DE UMA AMIZADE



Sara e Elsa (Queima das fitas 1986)


Fomos gargalhadas soltas pela Alameda fora…
Fomos capa e batina na descoberta do conhecimento...
Fomos cumplicidade de sonhos e segredos guardados no coração…
Fomos, simplesmente maiores que a nossa própria existência.





Somos hoje, a solidez de vidas que demos vida…
Somos hoje, histórias compostas por muitos verbos conjugados em todos os tempos...
Somos hoje, mais do que aquilo que sonhamos e existimos na essência da Verdade que nos une.
(Hino a uma Amizade permanente na sua génese... feliz aniversário Sara)

EME

1 comentário:

  1. Obrigado Elsa. Sem mais. O nosso EU despejado num Obrigado. Obrigado por fazeres parte da minha vida; obrigado por um dia nos termos cruzado e construido aquilo que ainda hoje É e Existe. Sem encenações, sem grandes manifestações, mas apenas existindo. Tudo o que é grande e verdadeiro vai concerteza perdurar. Venha quem vier, venha o que vier. vai abanar, vai torcer, mas não vai concerteza destruir, nem partir. Continuo aqui, Inteira. Beijo. Sara

    ResponderEliminar