sábado, 23 de março de 2013

Leva-me contigo


Caravela de panos esvoaçantes
não partas sem mim.
Diz-me que me vou contigo
nessa aventura sem fim.
Sou viajante sem destino
Quero partir,
Quero sair.

Leva contigo minha alma errante,
desta prisão sem fim
que o corpo já não sinto
e a alma morre lentamente

Velas enfunadas por ventos do Sul
Ao Mar te devolvem a vida
É aí que quero estar
É aí que vou ficar
Que a vida que aqui deixo
Nada mais tem para dar.

Leva-me contigo Caravela
Não partas sem mim

Foto by  Eme 





Sem comentários:

Enviar um comentário